Um médico procurou a , em , nessa terça-feira (16), para denunciar um crime de extorsão depois de fazer três transferências para estelionatários que ameaçaram divulgar do profissional. 

O médico contou na delegacia que o autor entrou em contato com ele por mensagens de com DDD 11 falando que iria divulgar fotos íntimas dele e com legenda de ‘médico pedófilo'. A vítima disse que recebeu uma montagem de uma foto sua pelo WhatsApp.

Assustado por ser conhecido na cidade, o médico acabou fazendo três transferências nos valores de R$ 10 mil, R$ 15 mil e R$ 3 mil para contas diversas. O caso é investigado como extorsão.