O detento, de 23 anos, foi preso em flagrante por dano qualificado ao fazer um buraco na cela do pavilhão 03 da Penitenciária da Gameleira, em , na segunda-feira (20). Apesar da tentativa de , ele teve a liberdade pelo dano concedida durante audiência de custódia nesta quarta-feira (22).

O autor, que tem diversas passagens por furto, tráfico de drogas e homicídio, está preso provisoriamente no local desde junho deste ano. 

Agentes penitenciários faziam vistoria de rotina disciplinar quando visualizaram um buraco na tela na parte superior no alambrado do solário de banho de sol, no qual somente o interno tem acesso. Os policiais encontraram também uma corda artesanal de 8 metros, apelidada de ‘Tereza’ por presidiários.

Na delegacia, o detento confessou que utilizou uma escova de dente quebrada para danificar a tela de proteção para fugir do presídio. Ele, inclusive, já tem ficha disciplinar de fuga.

Aos policiais ele disse que está preso provisoriamente de forma injusta e por isso tenta fugir.

Durante depoimento, foi verificado que ele havia um ferimento no pescoço, que segundo o próprio preso foi proposital, no intuito de ser levado para atendimento médico e assim realizar a fuga. A polícia constatou que ele estava sob escolta médica em Dourados.

Durante audiência de custódia, a juíza de Eliane de Freitas Lima Vicente colocou o preso em liberdade pelo crime de dano qualificado, pelo crime não ter sido cometido mediante grave ameaça ou violência, porém ordenou que ele passe por consultas psicológicas, já que declarou ter tentado suicídio e que seja enviado um ofício à após o preso informar que não tem acesso a seu advogado por mais de 15 dias.