Moradora do Centenário procurou a onde fez um boletim de ocorrência após sua cadela ter sido atacada pelo rottweiler de uma vizinha que escapou de casa, no início da noite desta quarta-feira (7).

A moradora, de 40 anos, conta que sua cadela de aproximadamente 13 anos é dócil e estava deitada na calçada em frente de sua casa, onde também havia algumas crianças, momento em que o cachorro escapou da casa vizinha. Ainda segundo a moradora de 40 anos, sua vizinha disse: “corre que ele é perigoso”.

Ela afirma que a vizinha não esboçou nenhuma reação na tentativa de controlar o animal. Durante o ataque, o cachorro foi contido por um morador que passava pela rua. A moradora disse à polícia que tentou contato com a vizinha, que, segundo ela, a tratou com deboche e disse que não arcaria com nenhuma despesa de tratamento. Consta no registro policial que o ataque resultou em uma lesão séria no abdômen da cachorra, sendo um corte profundo que deixou as vísceras penduradas.

A foi acionada e, segundo o registro da delegacia, os policiais tentaram contato com a tutora do rottweiler, porém, sem sucesso. O portão da residência é todo fechado, a casa estava com as luzes apagadas, foram acionados sinais sonoros e luminosos, porém ninguém foi encontrado.

A dona do animal que sofreu o ataque contou que gastou R$ 400 com exames e remédios para a cadela, porém, a médica veterinária recomendou que seja feita uma cirurgia, no valor de R$ 1,9 mil. O caso foi registrado como omissão de cautela na guarda ou condução de animais.