Agentes da Polícia Nacional investigam um atentado a contra um grupo de trabalhadores paraguaios que prestam serviços na Ande (Administração de Energia Elétrica). O ataque aconteceu nesta quarta-feira (19), em , mas nenhuma pessoa ficou ferida.

Segundo informações do comissário Rubén Galeano, a polícia já tem pistas sobre o acusado e já foram feitas buscas em sua residência, mas o suspeito não foi encontrado. Ele teria feito ameaças a um dos funcionários da empresa terceirizada que presta serviços para a Ande.

Na residência do acusado, foram encontrados cartuchos, dinheiro e também documentos e uma parecida com a usada no ataque ao grupo de trabalhadores da concessionária de serviços elétricos do Paraguai.