Conforme o boletim de ocorrência, a mulher pegou alguns produtos para vender em novembro e dezembro do ano passado, onde o proprietário iria buscar o dinheiro meses depois. Mas, segundo a vítima, ele não foi e pediu para ser feito um depósito, o que foi feito, informa a mulher.

Mesmo após o depósito, a vítima está sendo ameaçando, o autor teria escrito pelo aplicativo, e escreveu. “Vou te matar na frente de seus filhos, vou resolver na bala”.

Com medo, a mulher procurou a Delegacia de Polícia, de Sidrolândia para registrar o caso como extorsão. Ele segue em investigação.