Morador em situação de rua que está em coma na Santa Casa após acidente tem 69 anos

Ele foi atingido por um carro enquanto estava na calçada
| 27/01/2022
- 17:26
Homem ficou em estado grave
Vítima estava na calçada quando foi atingida - (Arquivo, Midiamax)

Pelas impressões digitais, foi identificado o morador em situação de rua, vítima de um grave acidente na madrugada do último domingo (23), no Centro de Campo Grande. O homem tem 69 anos e, como a família ainda não foi localizada, o nome é preservado pela Santa Casa.

Conforme informações do hospital, o paciente segue em estado grave, sem previsão de alta do CTI (Centro de Terapia Intensiva). Ele sofreu uma fratura na coluna e segue em coma, entubado e em estado grave. No entanto, o estado de saúde é considerado estável, sem piora.

Ele foi identificado por meio das digitais, mas ainda é aguardado que a família procure a unidade. Portanto, o nome é preservado pelo hospital.

Motorista foi solto

Equipes do GOI (Grupo de Operações e Investigações) fizeram buscas pelo motorista do Corolla, que fugiu do local do acidente. Ele foi preso em casa, por volta das 10 horas, e encaminhado para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Centro.

Ele não quis fazer teste de bafômetro, mas o recibo de uma casa noturna na Afonso Pena, daquela madrugada, foi apreendido com o homem, que tem 29 anos. Ele contou que bebeu na noite de sábado (22) em um bar, na mesma avenida, mas depois foi para a casa noturna e não teria bebido.

Acompanhado de advogado, ele alegou que usou a comanda para comprar bebida para outras pessoas. Já por volta das 4 horas, decidiu ir embora, pegou o Corolla e quando passava pelo cruzamento, teria acelerado no sinal amarelo. Mesmo assim, colidiu contra o Argo que atravessava a via.

Com o impacto, o Argo capotou. O homem contou que ficou em choque e foi embora a pé para casa. Ele chamou um amigo, que já durante a manhã contou sobre o morador de rua que estava em estado grave. Ele foi preso por dirigir embriagado, se resulta lesão corporal de natureza grave, e por fugir do local do acidente.

Nesta segunda-feira (24), foi concedida liberdade provisória ao motorista. Ele deve cumprir recolhimento noturno, todos os dias das 20 horas às 6 horas, aos sábados a partir das 14 horas e domingo o dia todo. Ele também teve a CNH suspensa. O morador de rua que foi atingido no acidente segue em estado grave.

Veja também

Delzimar já tinha tentado matar Elenice com golpes de machado

Últimas notícias