Uma apreensão de cocaína foi realizada pelo Dracco (Departamento de Repressão à Corrupção e ao Crime Organizado), que integra a Operação Hórus, do Ministério da Justiça. Fato ocorreu na Rodovia BR-060.

Ao total, foram 508 kg de entorpecentes que estavam embalados com a marca Royal Salute. Prejuízo para o crime organizado é de aproximadamente R$ 56 milhões.

Apreensão é fruto de uma ação de natureza especializada e de repressão qualificada contra o crime organizado. Duas pessoas acabaram sendo presas.

(Foto: Divulgação/Dracco)

Os criminosos, para tentar ludibriar os policiais, utilizaram veículos clonados, dessa vez foi da empresa de fornecimento de . A droga, veículo e os presos foram levados para a base do Dracco para dar seguimento aos procedimentos cabíveis.

Repressão ao tráfico

Segundo o Dracco, o departamento realizou apreensões de cocaína e maconha como a localização de um bunker no interior de um imóvel situado em , que escondia 461 kg de cocaína.

Apreensão de 483 kg sendo transportados em caminhão de bebidas. Outros 417 kg de de cocaína, três fuzis calibre .762 e 297 munições (em conjunto com DRP Naviraí).

Foi realizada a apreensão de 109 kg de cocaína em van com passageiros — em conjunto com 2º DISE/DEIC de Presidente Prudente/SP. Ainda 648 kg de maconha escondida em residência entreposto do tráfico. E a apreensão de 1.100 kg de maconha escondida em lixo hospitalar — em conjunto com a (Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico).

(Foto: Divulgação/Dracco)