Polícia

Vizinhos espancam suspeito de pagar R$ 50 para menino fazer sexo no Santo Amaro

Caso foi registrado como favorecimento à prostituição e revoltou familiares

Thatiana Melo e Gabriel Neves Publicado em 08/10/2021, às 11h52

None
(Henrique Arakaki, Midiamax)

Um homem acabou espancado no fim da manhã desta sexta-feira (8), no bairro Santo Amaro, em Campo Grande, depois que a família de um  adolescente, de 16 anos, descobriu que ele estava sendo aliciado e recebendo dinheiro em troca de sexo. O caso foi registrado na Depca (Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente).

A descoberta aconteceu quando a tia do garoto teria ido usar o computador e encontrou o WhatsApp do sobrinho aberto e leu as mensagens trocadas entre o adolescente e o autor, que seria conhecido da família há tempos. 

Nas mensagens trocadas, o homem oferecia dinheiro que ia de R$ 50 a R$ 150 para que o garoto mantivesse relações sexuais com ele. O autor, amigo da família, cometia os crimes na casa do garoto sempre que a mãe da vítima estava ausente. Ele ainda levava bebidas alcoólicas para os dois consumirem.

Após a descoberta, a família registrou o boletim de ocorrência na Depca, que irá investigar o caso. O homem ainda foi chamado até a residência, já que os familiares do garoto queriam explicações. Ele tentou fugir, mas foi perseguido por populares que o agrediram e amarraram até a chegada da polícia ao local. O autor foi solto. 

Jornal Midiamax