Segundo a Polícia Militar, as vítimas ligaram para o 190, pedindo socorro após o homem tentar invadir a residência. Ele quebrou o muro e ameaçava, falando que iria estuprar as moradoras. Os militares encontraram o suspeito no meio da rua, bastante alterado e gritando.

Quando os policiais desceram da viatura, o suspeito partiu para cima dos militares, dizendo que era bandido e que não tinha medo. Ele foi algemado e colocado no compartimento de preso. A vítima relatou que há dias sofre ameaças do suspeito.

Ainda segundo ela, ele dizia que estupraria e mataria a mulher e a filha e a importunava sexualmente, fazendo gestos e exigindo o órgão sexual. O suspeito cometia os atos principalmente quando o marido da vítima não estava na casa.

Ele foi preso em flagrante pela tentativa de estupro e encaminhado para a delegacia.