Ataque de ‘justiceiros’ deixa dois mortos e três feridos na fronteira

Execuções ocorreram no Bairro San Juan Neumann
| 25/08/2021
- 02:18
Vítima em estado grave foi levada ao Hospital Regional de Pedro Juan (via WhatsApp)
Vítima em estado grave foi levada ao Hospital Regional de Pedro Juan (via WhatsApp)

de grupo autodenominado “justiceiros” deixou dois mortos e três feridos na cidade paraguaia de , vizinha a Ponta Porã, cidade a 313 quilômetros de Campo Grande, na fronteira entre Brasil e o Paraguai. O crime ocorreu em uma casa no Bairro San Juan Neumann.

A informação é de que a vítima em estado grave foi levada ao Hospital Regional de Pedro Juan. De acordo com informações, os autores chegaram ao local em uma caminhonete VW Amarok e, com pistolas calibre 9 milímetros, realizaram dezenas de disparos contra as cinco pessoas. 

Dois homens morreram no ataque. Uma das vítimas fatal morreu na casa e a outra ainda tentou correr e morreu logo depois. Próximo ao corpo de uma da vítimas, havia uma cartolina branca do grupo autodenominado “justicieiros de la frontera” com os dizeres “justiciero no robar P.JC.”.
A Polícia Nacional foi acionada os feridos foram encaminhados para o Hospital Regional de Pedro Juan Caballero.

As vítimas fatais foram identificadas como Derlis Alen Mendosa, 23, e Guido Villalba Aquino de 27 anos. Já os feridos, também todos homens, têm idades de 17, 36 e 61 anos. Todas as vítimas são de nacionalidade paraguaia, menos o homem de 36 anos  que é brasileiro. 

Atuação semelhante deste grupo ocorre desde 2018 em Pedro Juan Caballero e Ponta Porã, e, em alguns casos, os bilhetes foram deixados junto às vítimas, e parte delas teve as mãos decepadas.  (Alterada para acréscimo de informações)

whatsapp image 2021 08 24 at 22.13.31 - Ataque de ‘justiceiros’ deixa dois mortos e três feridos na fronteira

Veja também

Polícia Civil prendeu homem por uso de documento falso e furto qualificado em Campo Grande,...

Últimas notícias