Polícia

‘Seu macaco, seu jumento’: Funcionário denuncia racismo em supermercado em Campo Grande

Um trabalhador de 22 anos registrou boletim de ocorrência nesta sexta-feira (21) após ter sido chamado de ‘macaco’ e ‘jumento’ no estacionamento de um supermercado atacadista em Campo Grande. O caso foi registrado como injúria racial. Conforme informações do Boletim de Ocorrência, o rapaz trabalha como repositor no atacadista e estava no estacionamento, quando viu […]

Mylena Rocha Publicado em 21/12/2019, às 08h45 - Atualizado em 22/12/2019, às 11h42

Caso foi registrado na Depac Centro. (Foto: Henrique Arakaki, Midiamax)
Caso foi registrado na Depac Centro. (Foto: Henrique Arakaki, Midiamax) - Caso foi registrado na Depac Centro. (Foto: Henrique Arakaki, Midiamax)

Um trabalhador de 22 anos registrou boletim de ocorrência nesta sexta-feira (21) após ter sido chamado de ‘macaco’ e ‘jumento’ no estacionamento de um supermercado atacadista em Campo Grande. O caso foi registrado como injúria racial.

Conforme informações do Boletim de Ocorrência, o rapaz trabalha como repositor no atacadista e estava no estacionamento, quando viu um homem andando em uma moto e gritando no local. Quando o homem passou perto do rapaz, teria gritado “O que você está olhando, seu macaco, seu jumento”.

Depois, o autor estacionou a moto e entrou no supermercado. O homem foi abordado pelo setor de prevenção, que perguntou por que o homem havia ofendido o funcionário. Ele negou que tivesse ofendido o rapaz e não quis se desculpar. O caso foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Centro.

Jornal Midiamax