Descarga elétrica mata eletricista que fazia reparos no telhado de associação

No Carandá Bosque
| 02/04/2018
- 18:24
Descarga elétrica mata eletricista que fazia reparos no telhado de associação

No Carandá Bosque

Um eletricista identificado como, Francisco de Assis Rodrigues Marques, de 26 anos, sofreu uma descarga elétrica nesta segunda-feira (2) quando fazia reparos em cima de um telhado na Asalmasul (Associação dos Servidores da Assembleia Legislativa), em Campo Grande, no Carandá Bosque.

Informações são de que um fio de alta tensão teria provocado o acidente. O eletricista morreu quando fazia os reparos no telhado e teria encostado a nuca e um fio recebendo uma descarga de mais de 37 mil volts de energia. Ninguém da associação quis falar com a imprensa. Duas unidades do Corpo de Bombeiros foram acionadas para o resgate, e atestaram a morte do trabalhador. Uma equipe da Energisa também foi chamada ao local para desligar a energia.Descarga elétrica mata eletricista que fazia reparos no telhado de associação

A descarga teria sido tão forte que explodiu o transformador de energia do local. Funcionários de uma empresa de concreto, que fica ao lado, contaram ao Jornal Midiamax que na hora do acidente foi possível ouvir um grande estrondo. 

O delegado Paulo Henrique Sá disseque será investigado se a distância do fio de alta tensão estava em uma distância correta para evitar acidentes. Também não se sabe se Francisco estaria usando os equipamentos de segurança exigidos para o trabalho.

Francisco era da cidade de Limeira, em São Paulo, e não há informações se ele tinha parentes na cidade. O inquérito tem um prazo de 30 dias para conclusão.

 

(Matéria editada ás 12:30 para acréscimo de informações)

Veja também

Últimas notícias