Polícia

Mulher que morreu após cair da cama não estava internada, diz HRMS

Teria sofrido a queda em casa

Renata Portela Publicado em 04/05/2017, às 15h02

None
hrms.jpg

Teria sofrido a queda em casa

A mulher de 49 anos que morreu um dia após cair da cama, não estaria internada no Hospital Regional de Campo Grande. O caso aconteceu na madrugada do dia 2 e ela faleceu na Santa Casa da Capital, na tarde de quarta-feira (3).

Conforme a assessoria do Hospital Regional, a mulher era paciente da unidade, fazia exames esporádicos, mas não estava internada e a última consulta teria sido no dia 18 de abril. O caso foi registrado por uma testemunha na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Centro.

O texto do registro policial diz: “Informa o comunicante que a vítima estava tendo atendimento médico no hospital Rosa Pedrossian, ocorre que por volta das 03h00min, a vítima estava dormindo na cama, quando viera a rolar de cair, batendo com a cabeça ao piso do imóvel”.

No entanto, conforme o hospital, a vítima possivelmente teria sofrido a queda em casa. A mulher foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros e levada até a Santa Casa de Campo Grande, onde foi constatado traumatismo cranioencefálico hemorrágico cerebral. Ela não resistiu e faleceu na tarde de quarta-feira.

O caso é tratado como morte a esclarecer e será investigado pela Polícia Civil. 

Jornal Midiamax