Polícia

Grávida é morta com cinco tiros após dar tapa em homem que a assediou

Foi morta na varanda de casa com tiros pelas costas

Wendy Tonhati Publicado em 19/08/2017, às 10h21

None

Foi morta na varanda de casa com tiros pelas costas

Uma gestante de 20 anos foi morta na madrugada da última sexta-feira (18), em Prudencio Thomaz, distrito de Rio Brilhante –a 158 quilômetros de Campo Grande. Tatiane Dias da Silva foi morta na varanda de casa com cinco tiros pelas costas. O crime seria uma vingança por ela ter reagido ao ser assediada em bar da cidade, segundo informações do boletim de ocorrência. 

O namorado de Tatiane relatou que os dois estavam em casa, ingerindo bebidas alcoólicas com amigos, quando foram a um bar na frente da residência. Enquanto ele estava no balcão, o suspeito do crime, identificado como um homem de 41 anos, teria assediado a vítima.

O suspeito teria falado palavras de cunho sexual e, ao ver a situação, o namorado de Tatiane interveio. Diante das insistidas do suspeito, a jovem teria dado um tapa no rosto dele. O homem saiu do local, mas disse que retornaria.

Grávida é morta com cinco tiros após dar tapa em homem que a assediou

O namorado de Tatiane disse que ela estava grávida de um mês. Tatiane deixou dois filhos com 4 anos e um ano e meio. A família da jovem informou que estava há 4 meses na cidade, depois de morar por um tempo em Fátima do Sul, segundo informações do Jornal Rio Brilhante em Tempo Real.. 

Jornal Midiamax