Antes de ser morta esfaqueada, vítima teria tentado defender mulher em briga

Dupla suspeita do homicídio foi presa
| 30/04/2017
- 20:55
Antes de ser morta esfaqueada, vítima teria tentado defender mulher em briga

Dupla suspeita do homicídio foi presa

Dois homens de 30 e 36 anos foram presos suspeitos de matar esfaqueado João Fernandes da Silva, de 32, encontrado morto, na madrugada deste domingo (30). A vítima teria tentado defender uma mulher, durante briga em um bar da Vila Maísa, na noite de ontem (29).

Conforme o registro policial, o proprietário do bar negou a ocorrência de uma briga, porém, na lateral do estabelecimento foi encontrada uma caçamba de entulho, com manchas vermelhas, supostamente de sangue.

Solicitado para ver a residência do suspeito de 36 anos, o policial encontrou na gaveta de uma cômoda, uma faca suja de sangue. Na casa havia uma mulher que confirmou ter se envolvido em uma briga com a mãe do suspeito de 30 anos.

À polícia, a mulher disse ainda que João Fernandes da Silva teria entrado na briga para defendê-la.

No quarto do filho do suspeito de 36 anos, a polícia também encontrou meio tablete de maconha, que pesou 371 gramas. O caso foi registrado como homicídio simples.

Violência

Moradores dizem estar ‘chocados’ e pedem mais policiamento no bairro afastado. Uma revista de policiais militares teria recebido críticas da população local, pelo avanço de crimes violentos na região.

Veja também

Últimas notícias