Menino foi levado para casa de familiares

Na manhã desta segunda-feira (23), por volta das 8h30, homem de 32 anos ameaçava se jogar do pontilhão no cruzamento das avenidas Salgado Filho e Ernesto Geisel. Ele deixou o filho de 9 anos dentro do carro, que estacionou nas proximidades, e foi contido pelo Corpo de Bombeiros.

Conforme informações dos bombeiros, equipe transitava na Avenida Salgado filho quando, no pontilhão da Ernesto Geisel, percebeu que o homem estava em atitude suspeita na grade. Os socorristas pressentiram que ele poderia tentar pular do pontilhão e fizeram negociação com o homem, que acabou desistindo e foi socorrido.

Ainda segundo os bombeiros o homem de 32 anos afirmou que está desesperado, pois tem várias dívidas para quitar e está desempregado. Ele chegou ao pontilhão de carro, um Palio, e estava acompanhado do filho de 9 anos, que permaneceu no veículo. A criança estava bastante assustada e foi levada para casa de familiares, enquanto o pai foi encaminhado para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Universitário.