Polícia

Após matar um a paulada e deixar outro em coma em MS, homem é preso em SP

Duas pessoas foram espancadas pelo autor

Diego Alves Publicado em 13/06/2015, às 01h33

None
600x450x4-557b709671075e78528108ab14d3775a0bbf1c7ae130d.jpg

Duas pessoas foram espancadas pelo autor

Márcio da Conceição Santos de 37 anos, foi preso já no estado de São Paulo, após matar Odair Rogério Louzada de 42 anos, a pauladas em uma casa na Rua Egídio Thomé no bairro Jupiá em Três Lagoas, 338 quilômetros de Campo Grande, na madrugada de hoje.

No local, duas pessoas foram espancadas pelo autor que estava com um pedaço de madeira. . Odair morreu horas depois do socorro e, a outra vítima, ainda não foi identificado, ainda permanece internada em coma no Hospital Auxiliadora.

Márcio foi preso pela PRE-SP (Polícia Rodoviária Estadual de São Paulo), quando caminhava nas proximidades da base operacional da PRE paulista, após a Usina de Jupiá.

De acordo com o site TL Notícias, Márcio disse que estava com os amigos ingerindo bebidas alcoólicas e consumindo crack quando houve um desentendimento com a vítima ainda não identificada.

“Tudo foi por causa de dinheiro e ele me colocou pra correr com uma faca e aí eu voltei e comecei a dar as pauladas nele. O outro rapaz não tinha nada a ver com a briga e como eu estava com raiva, também tentei matar ele que morreu de graça”, explicou o réu confesso. Quanto à nudez do amigo, ele desconhece ter visto ele sem roupas.

Jornal Midiamax