Gabriel Schuffner Mendes da Silva, estudante de 18 anos de idade, não começou bem a vida de “empresário”. Ele tinha uma motocicleta, que vendeu pelo valor de R$ 3.500 e com o dinheiro comprou 500 g de cocaína, que iria revender, esperando conseguir bom lucro.

No entanto, antes mesmo de começar a comercializar a “mercadoria”, foi flagrado pela Polícia Militar e preso na noite de segunda-feira (13).

Por volta das 22h30, em rondas pela Rua do Aquário, na esquina com a Ranulfo Correia, na Vila Nhá-Nhá, policiais militares do pelotão do Jockey Club abordaram um mototaxista que estava com um passageiro.

Na revista pessoal, encontraram com o passageiro (Gabriel) um tablete da droga. Na entrevista ele confessou que em casa, no bairro Taveirópolis, estava com uma balança de precisão. Ele foi encaminhado à Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário-Depac Piratininga e atuado por tráfico.