Polícia

Ladrões são presos em flagrante após assalto em residência de idosa em Ponta Porã

Três assaltantes foram presos em flagrante pela Polícia Militar de Ponta Porã na noite de segunda-feira (20), logo após invadir a residência de uma idosa de 68 anos, na Rua Soldado Tomás Antônio Machado, próximo à Vila Militar, no centro de Ponta Porã. Foram presos o paraguaio Júlio César Aguilar, 22 anos, e os brasileiros […]

Arquivo Publicado em 21/06/2011, às 23h46

None

Três assaltantes foram presos em flagrante pela Polícia Militar de Ponta Porã na noite de segunda-feira (20), logo após invadir a residência de uma idosa de 68 anos, na Rua Soldado Tomás Antônio Machado, próximo à Vila Militar, no centro de Ponta Porã.


Foram presos o paraguaio Júlio César Aguilar, 22 anos, e os brasileiros João Cáceres, 29 anos e José Antônio dos Santos, 27 anos. Com o trio foram encontrados objetos que ele havia roubado da casa da vítima. Por volta das 22h30min a PM foi acionada pela idosa pelo telefone 190.


Ela narrava que estava em seu quarto, quando ouvira barulhos vindos da sala e ao sair viu uma luz de lanterna. Ela disse que perguntou quem estava ali e um dos desconhecidos respondeu: “Estamos procurando um amigo”. Nesse instante percebeu que havia outros elementos no interior da casa.


Imediatamente correu para o quarto e trancou a porta, ligando para dois vizinhos e em seguida para a Polícia Militar. Os policiais chegaram em poucos minutos e já encontraram dois vizinhos, de 32 e 45 anos, na frente da casa, mostrando um edredom e um aparelho de som haviam sido deixados do lado de fora da casa.


Informaram também que os ladrões haviam pulado o muro de suas casas e teriam corrido em direção à Rua Sete de Setembro. A PM saiu no encalço e conseguiu prender os suspeitos, que estavam de posse de um edredom igual ao que havia sido deixado para trás.


Os três homens foram levados até a residência da vítima, que demorou um pouco para abrir o portão, já que estava trancada em seu quarto, com medo. Segundo a polícia, a casa estava revirada e com a porta dos fundos aberta. Dentro de um dos quartos arrombado pelos marginais havia vários edredons iguais aos encontrados com acusados.


A mulher constatou a falta do aparelho de som e de seus edredons, que a esta altura já havia sido encontrado na frente da casa dos vizinhos e com os ladrões. Os três assaltantes receberam voz de prisão, sendo encaminhados para o 1° Distrito Policial sem lesões corporais, juntamente com os objetos apreendidos. A vítima foi orientada a registrar queixa na delegacia.

Jornal Midiamax