O sargento Fabiano Valadão, do 19º BPM (Copacabana) foi quem encontrou o ator e influenciador Victor Meyniel, de 26 anos, “muito machucado e sangrando”, na portaria de um prédio no na manhã de sábado (2). Conforme depoimento dado à 12ª DP (Copacabana), o policial relatou ter ido ao apartamento do agressor Yuri de Moura Alexandre, de medicina de 29 anos, e perguntou a ele o motivo do espancamento.

De acordo com o relato, Yuri respondeu ao policial que atacou brutalmente Victor Meyniel por que ele “teria desrespeitado sua esposa”. Além disso, o rapaz também disse que conheceu Victor em uma “baladinha”. As informações são do Jornal O Globo.

Yuri ainda teria dito ao sargento e seu colega que era militar e chegou a apresentar um crachá do Central da Aeronáutica. No entanto, na delegacia ficou comprovado que ele mentiu e é apenas estudante de medicina. Por isso, além dos crimes de lesão corporal e injúria por preconceito, Yuri irá responder por falsidade ideológica.

À polícia, Victor Meyniel disse que foi convidado por Yuri para ir até o apartamento do estudante, que se identificou como médico. Os dois estavam em uma boate quando se conheceram e, ao fazer o convite, foi avisado pelo rapaz que o mesmo dividia apartamento com uma amiga, que estaria de plantão e, por isso, poderiam ficar no local.

De acordo com o depoimento de Victor, os dois beberam vinho e assistiram clipes musicais enquanto “ficavam”. O clima foi amistoso até a amiga de Yuri chegar ao apartamento, foi quando o estudante expulsou o ator do local ao ver Victor conversando com ela.

Na portaria do prédio, os dois se reencontraram e Victor foi se despedir do estudante, na frente do porteiro. A vítima contou que então perguntou por que ele havia ficado hostil, pois eles haviam “ficado”, e notou que Yuri ficou completamente “transtornado” ao ter sua sexualidade exposta para o porteiro que viu os dois.

Foi então que o estudante de medicina, segundo Meyniel, teria gritado: “Eu não sou viado, você que é viado!” Em seguida, conforme imagens das câmeras de segurança do local, Yuri espanca Victor brutalmente dando inúmeros socos, especialmente no rosto e na cabeça do ator.

Veja:

O estudante de medicina Yuri Alexandre de Moura foi preso em flagrante após ser identificado como autor da agressão. Em audiência de custódia nesta segunda-feira (4), a prisão foi convertida em preventiva, que ocorre para evitar a do acusado ou impedir que a atividade criminosa continue.