Show da e Maraisa, em comemoração ao aniversário do Estado de Tocantins, foi interrompido nesta madrugada (6) após um tiroteio começar na plateia. Um fã de 17 anos terminou morto no ocorrido.

De acordo com o Governo do Estado, o tiroteio teria começado com uma briga envolvendo um policial à paisana. Conforme a Polícia, durante a confusão, um homem tomou a do policial e atirou contra o militar, que foi socorrido e passa por cirurgia.

No meio da briga, um adolescente de 17 anos, que não teria ligação com a situação, acabou sendo atingido por um dos disparos na cabeça e morreu ali mesmo. Segundo o G1, 11 pessoas ficaram feridas e foram socorridas.

A dupla Maiara e Maraisa precisou sair às pressas do palco. Pouco tempo antes do tiroteio, Fernando Mocó, namorado de Maraisa, tinha feito o pedido de casamento em cima do palco.

Em nota, as sertanejas lamentaram a situação. “Uma festa linda para celebrar, mas infelizmente a cena de violência e uso de arma de fogo se repetiu, colocando milhares de pessoas em risco”, declararam ao Splash, UOL.