Morre a atriz Françoise Forton, a doutora Simone de O Clone

Françoise tinha 64 anos e lutava contra um câncer
| 16/01/2022
- 19:35
Em "O Clone"
Em "O Clone", Adriana Lessa viveu Deus e Françoise Forton foi a doutora Simone

A atriz Françoise Forton faleceu no Rio de Janeiro, aos 64 anos, na tarde deste domingo, 16 de janeiro. De acordo com a coluna do Ancelmo Gois, Françoise estava internada na Clínica São Vicente há mais de 4 meses lutando contra um câncer.

Ela deixa o marido, Eduardo Barata, e o filho Guilherme Forton Viotti. A atriz fez mais de 40 novelas, mas estava sem atuar na TV desde 2019, quando participou de "Amor Sem Igual", na TV.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Futricando Novelas (@futricandonovelas)

Atualmente, Françoise Forton está no ar pela reprise de "O Clone", no "Vale a Pena Ver de Novo", no papel da doutora Simone, peça-chave para a descoberta de que Albieri (Juca de Oliveira) clonou Lucas (Murilo Benício) e braço direito de Deusa (Adriana Lessa) na batalha judicial pelo reconhecimeto de Léo, o clone, como filho dela.

A atriz também pode ser vista interpretando Gilda na reprise de "Sonho Meu" (1993), no ar de segunda a sábado pelo Canal VIVA.

Françoise já tinha tido câncer em 1989, quando estava gravando "Tieta". Em mais de cinquenta anos de carreira na TV, fez inúmeras novelas, como "Estúpido cupido" ("1976"), "Bebê a bordo" (1988), "Tieta" (1989), "Meu bem, meu mal (1990), "Perigosas peruas" (1992) e "O Clone" (2001).

Veja também

O bebê foi levado para adoção, pois atriz teria descoberto gestação já na fase final

Últimas notícias