Glória Perez revela que Daniella Perez foi assassinada em pacto feito por Guilherme de Pádua: 'dentro de um círculo'

Glória conta que Daniella Perez foi encontrada debaixo de uma árvore e dentro de um círculo previamente queimado
| 21/07/2022
- 11:52
daniella perez
Última foto tirada de Daniella Perez, momentos antes do assassinato - (Reprodução)

"Pacto Brutal", a série documental que reconta o assassinato da atriz Daniella Perez, que aconteceu há 30 anos, teve seu título explicado por Glória Perez, a mãe de Dani. A escritora de da Globo revelou que sua filha foi assassinada em um pacto feito por Guilherme de Pádua.

Em entrevista à Marcia Piovesan, Glória afirmou que o nome "Pacto Brutal" está relacionado ao suposto pacto que os assassinos da sua filha assinaram.

"Tem indícios que são muitos fortes. No local do crime, ela foi encontrada debaixo de uma árvore e dentro de um círculo previamente queimado, que teria sido feito uns 10 ou 15 dias antes [do crime]. Dentro da deles, foi encontrada uma imagem estranha que ele [Guilherme] levava para as gravações", apontou Glória.

Ainda sobre o que explica o título da série, Glória detalha. "Havia um pacto claríssimo entre os dois. Eles fizeram tatuagens estranhas nos órgãos genitais dez dias antes do crime. O pacto entre eles era muito claro. Depois que acontece o assassinato, você vê a força da união entre os dois, o pacto era muito claro", contou a autora.

"Pacto Brutal" é lançada nesta quinta-feira (21) pela plataforma HBO Max. Assista ao trailer:

Veja também

Juliano Cazarré realizou o batismo na própria sala do parto de Maria Guilhermina

Últimas notícias