Restos humanos em saco de lixo são identificados após 40 anos como guitarrista do O'Jays

Segundo site 'TMZ', amostra de DNA permitiu que ONG e polícia confirmassem que vítima é Frank "Frankie" Little Jr
| 15/12/2021
- 19:05
Frank "Frankie" Little Jr
Frank "Frankie" Little Jr - (Foto: Reprodução)

Restos humanos descobertos em um saco de lixo na década de 1980 foram finalmente identificados como sendo Frank "Frankie" Little Jr.,  o guitarrista e compositor dos O'Jays, segundo o site TMZ. Na época, sabia-se apenas que a pessoa encontrada atrás de uma empresa em Twinsburg, no estado americano Ohio, tinha sido esfaqueada até a morte vários anos antes, mas a tecnologia existente não havia permitido descobrir de quem se tratava.

Nos últimos anos, o caso entrou na mira do projeto DNA Joe, uma organização que ajuda departamentos de polícia a solucionar os chamados "cold cases", casos sem solução de 30, 40 e até 50 ou 60 anos atrás. Segundo a polícia de Twinsburg anunciou, eles conseguiram encerrar o caso — ou pelo menos parte dele.

"Em outubro de 2021, o Projeto DNA Doe forneceu os nomes de parentes vivos em potencial, que foram capazes de fornecer o nome de Frank", dizia um comunicado da polícia. Um parente próximo de Little forneceu uma amostra de DNA, que foi analisada por um laboratório criminal, confirmando a identidade dos restos mortais.

Frank tocou com os O'Jays, grupo de R&B, e escreveu várias de suas canções como Oh How You Hurt Me e Pretty Words. Ele se alistou no Exército americano, serviu dois anos na Guerra do Vietnã, voltando para sua cidade natal, Cleveland, e desaparecendo nos anos 1970. A polícia pretende continuar investigando seu homicídio e tentar descobrir o que de fato aconteceu com ele — encerrando, aí sim, o caso.

 

Veja também

Segundo imprensa espanhola, jogador usa toxina butolínica para aumentar o tamanho do seu órgão sexual

Últimas notícias