O premiado ator Christopher Plummer morreu aos 91 anos nesta sexta-feira (5). Segundo o site Deadline, o ator morreu em sua casa, em Connecticut, nos EUA, ao lado da mulher Elaine Taylor, com quem foi casado por 53 anos. A causa da morte não foi revelada. As informações são do G1.

Celebrado por sua longa carreira, Plummer marcou a história do cinema com sua atuação no clássico “A noviça rebelde” (1965).

O canadense também tem as marcas de ser o ator mais velho a ganhar um Oscar (em 2012, aos 82 anos, por “Toda forma de amor”) e o mais velho a ser indicado (em 2018, aos 88 anos, por “Todo o dinheiro do mundo”).

Apesar da longa carreira, sua primeira indicação aconteceu apenas em 2010, por sua atuação em “A última estação”. Nas três vezes, concorreu como melhor ator coadjuvante.