O grupo Madrigal UFMS inicia neste domingo (14) a temporada de concertos de 2024, com a apresentação da obra Magnificat SWV 468, do compositor Heinrich Schutz. O espetáculo será a partir das 19h, na Paróquia Universitária da UCDB (Universidade Católica Dom Bosco). O evento terá entrada livre e gratuita.

Magnificat é um cântico sacro recitado na ocasião da visitação de Maria à Isabel. O texto serviu de base para obras de vários compositores ao longo da história sendo que o alemão Heinrich Schutz elaborou quatro Magnificats”, explica o professor do Curso de Música da Faculdade de Artes, Letras e Comunicação e um dos coordenadores do projeto, Jorge Augusto Mendes Geraldo.

O concerto também contará com outras peças renascentistas, como o Magnum Mysterium de Tomás Luis de Victoria, e do século XX, com The Seal Lullaby, do compositor americano Eric Whitacre.

Segundo o professor Jorge Geraldo, a primeira apresentação de 2024 deve refletir a dedicação e preparação do grupo Madrigal. “O escolhido para esse concerto traz coro, solistas e instrumentos, incluindo trombones, violinos e contínuo. O Madrigal vem estudando e se preparando com muito empenho. Tenho certeza de que o público se encantará com essa obra que nunca foi apresentada no Estado”, ressalta.

O professor também destaca a escolha pela apresentação ser realizada na Paróquia Universitária da UCDB, que “além de belíssima, tem uma acústica propícia para a performance de coral, e isso engrandecerá o trabalho do Madrigal”.

O Madrigal UFMS é uma ação de extensão e pesquisa coordenada pelos professores Manoel Câmara Rasslan e Jorge Augusto Mendes Geraldo, que faz parte das atividades do Núcleo Sinfônico UFMS e Movimento Coral da UFMS e tem como finalidade a formação musical de estudantes e cantores de Campo Grande. O conjunto é composto por 19 componentes e em 2023 produziu a série Vox Praeteria com obras do período Renascentista em apresentações por diversos espaços da cidade.