José Inocêncio (Marcos Palmeira) e Mariana (Theresa Fonseca) que se cuidem porque de fruto proibido Adão e Eva entendem. Aproveitando a vulnerabilidade da audiência insatisfeita com os rumos de “Renascer” na Globo, a escalou uma reprise da novela “Gênesis” (2021) para bater de frente com a concorrente. E, a tirar pelo primeiro dia, a vênus platinada tem motivos de sobra para se preocupar com o repeteco bíblico da emissora de Edir Macedo.

Isso porque a reestreia de “Gênesis” ocorreu nesta segunda-feira (19), no dia de um capítulo importantíssimo de “Renascer”, marcado pela lua de mel após o polêmico casamento dos protagonistas “non gratos” Zé Inocêncio e Mariana. De nariz torcido para a mocinha dúbia, tal como aconteceu na versão original da trama, em 1993, o público do folhetim tem acompanhado a novela com os dois pés atrás.

O apego à primeira fase também é fator preponderante para uma certa rejeição dos telespectadores com o avanço da história. E é justamente essa rejeição que deu à Record uma oportunidade “de ouro”. Percebendo a instabilidade do público para com “Renascer”, a emissora evangélica acionou um de seus maiores sucessos bíblicos para recuperar a audiência da faixa e “roubar” telespectadores que estão assistindo ao remake global por falta de opção.

Com ares de superprodução, “Gênesis” entrou em cena fazendo bonito e disparou o Ibope da Record no horário. “Renascer”, por sua vez, conseguiu o feito de derrubar dois pontos de audiência logo que o terminou. Números do Kantar Ibope divulgados na noite desta segunda (19) mostram que, assim que o JN chegou ao fim, o público do noticiário mudou de canal.

Historicamente, nas últimas semanas, a Record estava em baixa no horário com a reprise de “Jezabel”. No entanto, a divulgação parece ter surtido efeito e “Gênesis” conseguiu montar até sala de espera. Normalmente, “Renascer” fica na faixa dos 27 e 28 pontos nas segundas-feiras, mas nesta, em específico, a trama patinou nos 25, e bem num capítulo relevante.

A concorrente, por sua vez, alcançava entre 3 e 4 pontos na faixa, mas com a estreia de “Gênesis”, quase bateu 6. Nas redes sociais, internautas comentaram que, durante os intervalos de “Renascer”, mudaram para a trama bíblica e nem fizeram questão de voltar para ver os acontecimentos depois do casamento dos ingratos mocinhos da novela das nove.

Apesar de ser apenas o primeiro dia, os números são expressivos e a história de Adão e Eva no do Éden pode sim representar uma ameaça para “Renascer”, especialmente porque o remake tende a desagradar ainda mais o telespectador já descontente com os rumos de Mariana e seu “painho” Zé Inocêncio.

Vale lembrar que os números de audiência acima citados são referentes à Grande e servem como principal referência para o mercado. Cada ponto equivale a 73.279 domicílios.

“Gênesis”

Sucesso em sua exibição original, “Gênesis” fez bonito em 2021. A é lembrada por ter sido a primeira novela inédita a estrear durante a pandemia do Coronavírus, enquanto as programações de todas as emissoras eram dominadas pelas reprises.

A trama que representa o primeiro livro da Bíblia começou a ser gravada em 2019 e foi interrompida com a chegada do Coronavírus no início de 2020. Tendo um bom material pronto, a Record conseguiu ser a primeira emissora a lançar uma novela inédita no período, estreando, inclusive, muito antes que as inéditas da TV Globo.

Fale com o WhatsApp do MidiaMAIS!

Tem algo legal para compartilhar com a gente? Fale direto com os jornalistas do MidiaMAIS através do WhatsApp.

Mergulhe no universo do entretenimento e da cultura participando do nosso grupo no Facebook: um lugar aberto ao bate-papo, troca de informação, sugestões, enquetes e muito mais. Você também pode acompanhar nossas atualizações no Instagram e no Tiktok.