Incomum no que diz respeito ao acasalamento de onças-pintadas, um flagra do guia e biólogo Fábio Paschoal, registrado no Pantanal de Mato Grosso do Sul, chamou atenção nos últimos dias pelo comportamento não só carinhoso, mas “educativo” da fêmea na hora da cópula com o macho.

Publicado nas do profissional, o vídeo da cena interessante despertou a curiosidade dos internautas. Segundo Fábio, “às vezes os machos apanham das fêmeas”, que costumam ter um comportamento um tanto agressivo.

Só que, ao contrário do que se espera, o registro a seguir se diferencia pelas atitudes de Aracy, uma fêmea experiente, com Badalo, macho nem tão experiente assim. O biólogo explica que Aracy surpreendeu pela paciência demonstrada para acasalar com o novato.

“Nessa época, o Badalo era um macho bem jovem e a Aracy, uma -pintada muito paciente e carinhosa. Estava ensinando ele como chegar lá”, pontua Paschoal.

Veja:

Normalmente, são os machos que insistem para acasalar com as onças-pintadas fêmeas. No entanto, há casos em que as elas estão na busca pela cópula, como o registrado acima.

“Isso depende muito do dia e da situação, se a fêmea está no cio ou não. Tem vezes que o macho chega e a fêmea é super agressiva, inclusive, bate nele. E tem vezes que ela está procurando. A gente vê que, no vídeo, a Aracy senta de costas pra ele, entra embaixo dele…”, detalha Fábio ao Jornal Midiamax.

Leões e onças

Para explicar o comportamento das fêmeas no “reino” das onças, o biólogo faz uma comparação com os leões. “No caso das onças, mesmo se a fêmea estiver com um filhote, ela pode copular com os machos. Já os leões, por exemplo, quando um macho novo no território destitui o macho dominante, o novo macho vai matar todos os filhotes para fazer a fêmea entrar no cio e copular com ela”, exemplifica.

“Em relação às onças, os pesquisadores acreditam que, mesmo que a fêmea não esteja no cio e ainda esteja cuidando de um filhote, ela vai copular com o macho justamente para evitar que ele mate os filhotes. Se o macho onça ver a fêmea com o filhote, vai pensar que é um filho dele e não vai matar”, relata Paschoal.

Saiba mais sobre o biólogo que deixou São Paulo para viver no Pantanal de MS:

Onças do vídeo são conhecidas

Segundo a ONG Onçafari, que monitora as onças-pintadas na região da Caiman Pantanal, em MS, Badalo tem cerca de 3 anos. Ele e Aracy, a fêmea paciente do vídeo acima, são figuras já conhecidas dos leitores do Midiamax.

Isso porque Aracy viralizou no final de 2022 ao ser flagrada acasalando com Acerola, a onça macho adotada por Richarlison. O flagra ganhou a internet na mesma época da do Catar, quando o jogador da seleção brasileira estava nos holofotes e o tema “adoção de Acerola” em alta. Relembre:

Badalo também já apareceu algumas vezes no MidiaMAIS e, em registro mais recente, também pelas lentes de Fábio Paschoal, o jovem macho foi flagrado urinando de um jeito “diferentão”, característico dos felinos.

Avistado vez ou outra nas redondezas, Badalo soltou sua urina com um jato potente, em linha reta e sem se abaixar ou se erguer.

“O líquido é chamado de Marking fluid (fluido de demarcação) e é uma mistura de urina e uma pequena quantidade de material lipídico [gordura], que pode atuar como um transportador para a liberação controlada dos componentes voláteis do fluido”, esclarece Fábio Paschoal sobre o comportamento do animal.

Confira:

Fale com o WhatsApp do MidiaMAIS!

Tem algo legal para compartilhar com a gente? Fale direto com os jornalistas do MidiaMAIS através do WhatsApp.

Mergulhe no universo do entretenimento e da cultura participando do nosso grupo no Facebook: um lugar aberto ao bate-papo, troca de informação, sugestões, enquetes e muito mais. Você também pode acompanhar nossas atualizações no Instagram e no Tiktok