Obama homenageia Robin Williams: “talento imensurável”

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, prestou uma homenagem em nome de sua família ao ator Robin Williams, que foi encontrado morto na última segunda-feira (11), na Califórnia. O líder norte-americano relembrou os principais trabalhos do artista e mostrou seu apoio à viúva e aos filhos de Robin. As informações são do site Female […]
| 12/08/2014
- 19:53
Obama homenageia Robin Williams: “talento imensurável”

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, prestou uma homenagem em nome de sua família ao ator Robin Williams, que foi encontrado morto na última segunda-feira (11), na Califórnia. O líder norte-americano relembrou os principais trabalhos do artista e mostrou seu apoio à viúva e aos filhos de Robin. As informações são do site Female First.

“Ele era um piloto, um médico, um gênio, uma babá, um presidente, um professor, Peter Pan. Ele surgiu nas nossas vidas como um alienígena, mas acabou tocando todos os elementos do espírito humano. Nos fez rir, chorar. Nos deu um talento imensurável para quem mais precisava, das nossas tropas no estrangeiro aos marginalizados nas nossas próprias ruas”, discursou Obama.

Na declaração, além de oferecer suas condolências à família do ator – a esposa Susan Schneider e os filhos Zak, Zelda e Cody, de 31, 25 e 23 anos, respectivamente -, o presidente também quis consolar “todos aqueles que encontraram sua voz graças a Robin Williams”.

Vencedor do Oscar de Melhor Ator Coadjuvante por Gênio Indomável em 1997, Robin Williams morreu aos 63 anos, informou seu assessor. O comunicado dá poucos detalhes sobre a causa da morte, mas afirma que Williams enfrentava uma severa crise de depressão ultimamente. De acordo com um boletim divulgado pela polícia do condado Marin, as autoridades acreditam que ele tenha se suicidado.

Veja também

Fenômeno foi constatado na galáxia Grande Nuvem de Magalhães

Últimas notícias