Mulheres são presas passando carregador e drogas para detento em hospital

Duas mulheres foram presas na noite de quinta-feira (31), por volta das 21 horas, no município de Dois Irmãos do Buriti, a 84 quilômetros de Campo Grande. Segundo o relato de uma equipe do 4° Pelotão da Polícia Militar do município, os policiais faziam a escolta do detento Tiago Almeida Alves, de 21 anos, que […]
| 01/08/2014
- 16:42
Mulheres são presas passando carregador e drogas para detento em hospital

Segundo o relato de uma equipe do 4° Pelotão da Polícia Militar do município, os policiais faziam a escolta do detento Tiago Almeida Alves, de 21 anos, que foi levado para o Hospital Cristo Rei para atendimento médico de urgência. Chegando ao hospital, o rapaz pediu para usar o banheiro e foi acompanhado pelos policiais.

Enquanto o rapaz era atendido, Kátia Garcia da Silva, de 25 anos, e Suely Pereira, de 38 anos, foram até o hospital e um dos policiais militares percebeu que Suely entrou no banheiro masculino, enquanto Katia aguardava para ser atendida.

Depois do atendimento, o médico responsável constatou que Tiago não tinha nenhum problema de saúde e ele foi liberado. Logo após a consulta, o rapaz pediu novamente para ir ao banheiro, levantando suspeita por parte dos policiais.

O policial que fez acompanhamento, percebeu que Tiago se abaixou na frente da privada, como se fosse vomitar, mas começou a mexer no lixo do banheiro. O agente abriu a porta e viu que, embaixo do saco de lixo, estavam um carregador de celular e 105 gramas de maconha.

As duas mulheres e o detento foram questionados sobre a procedência dos produtos e Kátia acabou confessando ser mulher de Doedlin Israel Miqueletto, que está preso no mesmo local em que Tiago cumpre pena e que o carregador e a droga seriam repassados para ele.

A dupla foi presa em flagrante pelo crime de tráfico de drogas, qualificado se a infração for cometida nas dependências ou imediações de estabelecimentos prisionais, de ensino ou hospitalares.

Últimas notícias