Ao menos 24 pessoas ficaram feridas, sendo que 17 delas em estado grave, na explosão de uma bomba na noite de domingo (12/01) no campus de uma universidade estadual em Arakan, cidade do sul das Filipinas, informou nesta segunda-feira (13/01) a polícia.

O chefe da polícia de Arakan, Rolly Oranza, disse que os especialistas analisam a composição do explosivo em busca de pistas para esclarecer o que parece ser um atentado, segundo o jornal Inquirer.

Antes da explosão no Cotabato College Foundation of Science and Technology, na província de Cotabato do Norte, tinha acontecido um incêndio nas instalações.

A maior parte das vítimas são estudantes, professores, seguranças e policiais que tinham ido combater o fogo.