Com uma morte a cada dois dias e meio, agosto já registrou 9 assassinatos na Capital

Com nove assassinatos até este domingo (24), em Campo Grande, o mês de agosto deste ano já registrou mais do que o dobro de homicídios dolosos no mesmo período do ano passado, quando quatro pessoas foram assassinadas. O número demonstra que uma pessoa foi morta a cada dois dias e meio deste mês, segundo dados […]
| 24/08/2014
- 22:50
Com uma morte a cada dois dias e meio, agosto já registrou 9 assassinatos na Capital

Com nove assassinatos até este domingo (24), em Campo Grande, o mês de agosto deste ano já registrou mais do que o dobro de homicídios dolosos no mesmo período do ano passado, quando quatro pessoas foram assassinadas. O número demonstra que uma pessoa foi morta a cada dois dias e meio deste mês, segundo dados da Sejusp (Secretaria Estadual de Justiça e Segurança Pública).

O número de mortes só não é maior do que o registrado no mesmo período de 2012, quando dez pessoas perderam a vida de forma violenta. Em 2011 e 2010, seis pessoas foram assassinadas no período entre o dia 1 e 24 de agosto. Na Capital, desde o começo do mês, além dos nove assassinatos foram registradas 21 tentativas de homicídio.

Se comparados aos anos anteriores, os números de homicídios de 2014 tem sido os maiores já registrados nos últimos quatro anos. Do dia 1º de janeiro até este domingo, já foram registradas 86 homicídios com intenção de matar. No mesmo período do ano passado foram 65, em 2012, 84 e em 2011 e 2010, 78 mortes.

Somente neste fim de semana foram registradas duas tentativas de homicídio e um homicídio em Campo Grande. No Parque do Lageado, o jovem Kemis Rodrigues Andrades Rojas, de 22 anos, foi morto na madrugada deste sábado (23). Kemis tinha lesão feita por disparos de arma de fogo no peito e ferimento na cabeça.

Um familiar do rapaz disse que a vítima havia se separado há pouco, porém o atual namorado da ex-mulher estava o ameaçando. Inclusive, a mulher chegou a dizer para Kemis que o rapaz havia comprado um revólver.

Veja também

Fenômeno foi constatado na galáxia Grande Nuvem de Magalhães

Últimas notícias