Geral

Manifestantes ateiam fogo até em carro durante protesto em São Paulo

Aproximadamente 100 manifestantes bloqueavam, na manhã desta segunda-feira, a rua Doutor Luiz Migliano, no bairro do Morumbi, em São Paulo. De acordo com a Polícia Militar, o grupo fez barricadas na altura da rua Marechal Juarez Távora e ateou fogo em pneus, madeira e até em um automóvel. Os manifestantes protestam por mais moradias e […]

Arquivo Publicado em 07/10/2013, às 11h39

None
63358279.jpg

Aproximadamente 100 manifestantes bloqueavam, na manhã desta segunda-feira, a rua Doutor Luiz Migliano, no bairro do Morumbi, em São Paulo. De acordo com a Polícia Militar, o grupo fez barricadas na altura da rua Marechal Juarez Távora e ateou fogo em pneus, madeira e até em um automóvel.


Os manifestantes protestam por mais moradias e reclamam do valor pago pela poder público no chamado auxílio-aluguel. Viaturas da PM acompanhavam o protesto, mas sem intervenção. Duas viaturas do Corpo de Bombeiros também foram enviadas para o local.


O grupo é formado por antigos moradores da Favela Vila Praia, que pegou fogo em 2010. Segundo a liderança do grupo, o auxílio aluguel pago aos moradores está atrasado há dois meses e não existe projeto de habitação popular para recolocar os desabrigados. Atualmente, segundo eles, o valor do auxílio aluguel é de R$ 400.

Explosão


Durante o ato, integrantes do grupo virou um automóvel sobre as barricadas em chamas. Após alguns minutos, o veículo começou a ser consumido pelo fogo e uma explosão ocorreu. Não há informações sobre feridos.


Manifestantes que estavam perto do veículo no momento da explosão saíram correndo, assustados. Eles disseram que o carro estava abandonado, sem gasolina, e que não sabiam porque havia explodido. Mas, imagens registradas pelo fotógrafo Bruno Santos, do Terra, mostram um galão com um líquido – que parece ser gasolina -, sendo atirado nas chamas segundos antes da explosão.

Jornal Midiamax