Geral

Em caso de cassação de Alceu Bueno, Francisco Saci deve assumir vaga na Câmara

Em caso de cassação eleitoral, o candidato Francisco Saci (PRTB) está apto a assumir. Isso é o que informa o advogado do candidato, José Belga Trad. Conforme Trad, Saci foi absolvido da suspeita de irregularidade na eleição para vereador em 2012. O advogado explica que em maio de 2013, uma sentença por protalada pela juíza […]

Arquivo Publicado em 19/07/2013, às 20h40

None
1000884891.jpg

Em caso de cassação eleitoral, o candidato Francisco Saci (PRTB) está apto a assumir. Isso é o que informa o advogado do candidato, José Belga Trad. Conforme Trad, Saci foi absolvido da suspeita de irregularidade na eleição para vereador em 2012.

O advogado explica que em maio de 2013, uma sentença por protalada pela juíza Elizabeth Rosa Basch, com parecer do Ministério Público, em alegações finais, pedindo a absolvição de Francisco Saci por falta de provas da participação dele em qualquer ilícito eleitoral. “De modo que ele (Saci) não corre o risco de não assumir, se o titular da cadeira (vereador Alceu Bueno) for cassado.

Caso

Saci foi investigado porque no dia 12 de setembro de 2012, após denúncias feitas por telefone ao Tribunal Regional Eleitoral, a Justiça Eleitoral apreendeu uma lista de Francisco Saci com cadastro de 787 veículos. A época, o juiz Flávio Saad Peron chegou a dizer que além da cassação da candidatura, os candidatos estavam sujeitos à pena de quatro anos de reclusão, que também poderia ser estendida ao eleitor que recebe o benefício ilegal. Ele ainda ameaçou pedir inquérito de corrupção eleitoral passiva para também punir os eleitores.

Caso Saci fosse impedido de assumir, a vaga ficaria com Roberto Santana dos Santos (PRB), o Betinho, que conseguiu 2.400 votos.

Jornal Midiamax