Geral

Sindicato defende implantação sem ônus de nota fiscal eletrônica em Dourados

Diversos empresários de Dourados participaram de reunião, no início da tarde desta segunda-feira (23), na sede da Associação Comercial da cidade, para tratar da implantação da nota fiscal eletrônica no município. Na oportunidade, o vice-presidente do Simmme (Sindicato Intermunicipal das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e de Material Elétrico da Região da Grande Dourados), Sidn...

Arquivo Publicado em 23/01/2012, às 20h19

None

Diversos empresários de Dourados participaram de reunião, no início da tarde desta segunda-feira (23), na sede da Associação Comercial da cidade, para tratar da implantação da nota fiscal eletrônica no município.


Na oportunidade, o vice-presidente do Simmme (Sindicato Intermunicipal das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e de Material Elétrico da Região da Grande Dourados), Sidnei Pitteri Camacho, defendeu a implantação do sistema, mas sem qualquer tipo de ônus para os empresários. Ele sustentou a importância de acompanhar as evoluções tecnológicas e ressaltou ser a favor do novo sistema.


“O sindicato é favorável à implantação desse sistema, que é bastante moderno. Nós não podemos trabalhar contra a informática, mas somos contra que o contribuinte arque com o pagamento de qualquer taxa para implantação”, declarou.


O representante sindical lembrou ainda que o executivo não publicou o decreto regulamentando a implantação do sistema, por isso os esforços em reunir os empresários para debater o tema. A expectativa segundo o presidente da Associação Comercial de Dourados, Francisco Eduardo Custódio, é conseguir uma agenda com o prefeito da cidade para articular a isenção de qualquer taxa. “Temos a pretensão de agendar a reunião para a próxima semana”, disse.

Jornal Midiamax