Geral

Organizadores iniciam distribuição dos 24 mil kits da Volta das Nações 2012

Desde as 7 horas desta sexta-feira (12) milhares de pessoas já formavam fila para retirar os kits no Centro de Convenções e Exposições Albano Franco

Arquivo Publicado em 12/10/2012, às 15h31

None
250688678.jpg

Desde as 7 horas desta sexta-feira (12) milhares de pessoas já formavam fila para retirar os kits no Centro de Convenções e Exposições Albano Franco

O Sesi iniciou, na manhã desta sexta-feira (12), no auditório do Centro de Convenções e Exposições Albano Franco, em Campo Grande (MS), a distribuição dos kits para os 24 mil inscritos na 4ª Meia-Maratona Internacional do Pantanal Volta das Nações, que será realizada neste domingo (14).Os participantes têm até as 20 horas desta sexta-feira e das 9 às 20 horas de sábado (13) para retirarem os kits, que contam com número de peito, camiseta promocional, manual informativo e chip descartável para os inscritos na meia-maratona de 21 km e na corrida de 10 km, sendo que para os inscritos na caminhada de 7 km não há chip descartável.


Segundo o diretor da competição, Marcelo Moraes, para a retirada do kit o inscrito deve apresentar documento com foto e comprovante de inscrição. “Os atletas de elite, como os quenianos Joshua Kiprugut Kemei e Mark Korir, os dois últimos campeões da Volta das Nações nas categorias masculino, vão retirar os kits somente na manhã de sábado”, informou. Já o superintendente do Sesi, Michael Gorski, destaca que os números da Volta das Nações impressionam, começando pelos inscritos, que somam 24 mil participantes, entre atletas profissionais, industriários e comunidade em geral, passando por 24 mil kits, 231.840 copos de água, 2,1 mil quilos de frutas – 1.050 quilos de maçã e 1.050 quilos de banana -, além de 4.500 litros de isotônico.


Para melhor segurança dos 24 mil inscritos – 15.963 na caminhada de 7 km, 6.895 na corrida de 10 km e 1.142 na meia-maratona de 21 km -, o evento ainda contará com 2 mil metros de grades de contenção, 1.200 cones de sinalização e 8 ambulâncias ao longo do percurso, que conta com 173 cruzamentos. A estrutura para a competição conta também com 75 metros de arquibancada, dois caminhões, seis caminhonetes, duas peruas e seis carros de passeio, além de envolver 1.580 pessoas na organização, incluindo homens do Exército, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Ciptran (Companhia Independente de Policiamento Militar de Trânsito) e Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito).


Participantes


O aposentado Estevão Real, 72 anos, foi um dos inscritos que chegou cedo ao Albano Franco para retirar o kit da caminhada de 7 km. “Vou participar pela 1ª vez da Volta das Nações estimulado pelo meu filho que falou da importância da prática de atividades físicas nesta fase da vida. Eu sempre pratico caminhada e então, neste ano, resolvi me inscrever para participar dessa festa linda que é a Volta das Nações”, declarou.


Já o comerciário José Pedro Lopes, 40 anos, fez a inscrição para a meia-maratona de 21 km e espera conseguir concluir o percurso. “Eu já tenho experiência de outras corridas de rua realizadas em Mato Grosso do Sul, mas, nunca corri os 21 km. Como não fiz qualquer tipo de treinamento especial, concluir a corrida já está de bom tamanho e, quem sabe, ser sorteado com o carro 0 km”, pontuou.


A dona de casa Yoshiko Suzuki, 66 anos, também vai participar da Volta das Nações pela 1ª vez e por isso fez inscrição na caminha de 7 km. “Procuro levar uma vida saudável e não podia deixar de participar desse evento tão bonito que é a Volta das Nações. Espero que seja a sorteada com o automóvel 0 km”, disse. Além dos anônimos, Volta das Nações terá a participação dos dois últimos campeões, os quenianos Joshua Kiprugut Kemei e Mark Korir, que venceram as edições de 2010 e 2011, respectivamente, e, pela primeira vez, vão se enfrentar na competição, já que, em 2011, o primeiro atleta não pode participar por problemas de contusão.


Em 2010, Joshua Kemei venceu a Volta das Nações com o tempo de 1h04m50, enquanto, em 2011, Mark Korir foi o campeão com o tempo de 1h07m04s. Também vão participar da meia-maratona os atletas Barnabas Kiplagat Kosgei (Quênia) e Fikre Assefa Robi (Etiópia) e as atletas Seurey Jane Jelagat (Quênia), Irene Jemutai (Quênia) e Meseret Legese Biratu (Etiópia). Segundo o diretor da competição, Marcelo Moraes, o fato de a Volta das Nações contar pontos para o ranking oficial da CBAt (Confederação Brasileira de Atletismo) e da IAAF (Associação Internacional das Federações de Atletismo) sempre vai atrair muitos maratonistas de renome.


Premiação


Ainda na edição deste ano, além do sorteio de um automóvel 0 km (avaliado em R$ 30 mil) entre todos os participantes das três provas que concluírem os respectivos percursos e aguardarem a premiação, a Volta das Nações vai distribuir R$ 98,3 mil em dinheiro para os cinco primeiros colocados da meia-maratona nas categorias geral masculino e feminino e indústria masculino e feminino, bem como para os três primeiros colocados da meia-maratona nas categorias cadeirante e deficiente visual masculino e feminino e para os três primeiros colocados da categoria indústria masculino e feminino da corrida de 10 km. Além disso, todos os primeiros colocados de todas as categorias vão receber troféus.


O 1º lugar no geral masculino e feminino da meia-maratona vai receber R$ 12 mil, o 2º lugar ganhará R$ 6 mil, o 3º lugar receberá R$ 3,6 mil, o 4º lugar terá prêmio de R$ 2,4 mil e o 5º lugar ganhará R$ 1,2 mil, enquanto na categoria indústria masculino e feminino o 1º lugar receberá prêmio de R$ 4 mil, o 2º lugar ganhará R$ 3,2 mil, o 3º lugar vai receber R$ 2,6 mil, o 4º terá direito a R$ 2,1 mil e o 5º receberá R$ 1,8 mil. Ainda na meia-maratona, mas na categoria cadeirante masculino e feminino, o 1º lugar fica com R$ 1.430,00, o 2º com R$ 1.143,00 e o 3º com R$ 858,00, enquanto na categoria deficiente visual masculino e feminino o 1º lugar fica com R$ 1.430,00, o 2º com R$ 1.143,00 e o 3º com R$ 858,00, sendo que na corrida de 10 km, apenas na categoria indústria masculino e feminino, o 1º lugar vai receber R$ 1.430,00, o 2º ficará com R$ 1.143,00 e o 3º com R$ 858,00.


Os horários das largadas da edição deste ano da Meia-Maratona Internacional do Pantanal Volta das Nações foram alteradas em relação ao evento do ano passado. A primeira largada será às 7 horas para os atletas das categorias cadeirante e deficiente visual masculino e feminino, enquanto às 7h20 será dada a largada para os atletas das categorias elite e indústria feminino e, às 7h45, terá a largada para os atletas das categorias elite e indústria masculino, geral masculino e feminino, além dos participantes da corrida de 10 km (masculino e feminino) e da caminhada de 7 km (masculino e feminino).


Serviço – Mais informações sobre a 4ª Meia-Maratona Internacional do Pantanal Volta das Nações podem ser obtidas pelo site www.voltadasnacoes.ms.sesi.org.br

Jornal Midiamax