A seleção sul-mato-grossense feminina de voleibol na categoria Sub-16 embarca na terça-feira (16) para a disputa do Campeonato Brasileiro de Seleções da Divisão Especial, considerada a principal do País. A competição acontece na cidade paranaense de Maringá, entre os dias 17 e 21 de abril.

A partida de estreia das sul-mato-grossenses está prevista para quarta-feira (17), às 9h15, contra o selecionado do Rio Grande do Sul, que foi vice-campeã na edição de 2023. No mesmo dia, realiza nova partida e enfrenta o Rio de Janeiro às 16h15. As demais partidas acontecem na quinta-feira (18) contra o Paraná; e na sexta-feira (19) contra a seleção de Goiás.

O time é treinado pelo professor Dodô, da equipe Skil Sports de Dourados, e tem como assistente técnico o professor Michel Ademir, da ACV de Ponta Porã.

“Temos essa dura missão que é nos mantermos entre os dez principais estados do País, então estamos com treinos intensos e fazendo os ajustes necessários, seguindo nosso treinamento até segunda-feira aqui em Ponta Porã”, disse o treinador.

“Nosso grupo de atletas e comissão é muito forte e queremos estar entre os melhores, mas na pior das hipóteses, queremos manter Mato Grosso do Sul na Divisão Especial. Esse é um objetivo nosso”, afirmou ainda.

A seleção é composta pelas levantadoras Gabriela Delai (ACV) e Beatriz Nosse (EVAN); pelas ponteiras Bruna Herdina (Praia Clube), Yasmin Benitez, Isadora Pilger (ACV), Késia Sá Cruz (EVAN), Cecília Vieira (Esc. Pezão); pelas centrais Isadora Echeverria (ACV), Emanuely Mansour (Escola SESI); pelas opostas Vitória Mattos (Skil Sports), Ana Alves (AECGV); e pela líbera Naiana Vicesi (Águia Negra Rio Brilhante).

Além das já citadas, participam da competição as seleções de São Paulo, Santa Catarina, Minas Gerais, Rio Grande do Norte e Pernambuco. As três últimas colocadas descem para a disputa da Primeira Divisão em 2025.