Geral

Obras da avenida Afonso Pena continuam e novo trecho é interditado

O Governo do Estado está investindo cerca de R$ 7 milhões de reais para a realização do recapeamento da principal avenida de Campo Grande, Afonso Pena. A previsão é que a obra seja totalmente concluída em seis meses. Após a liberação do trecho que vai da rua Iguaçu até a rua Visconde de Taunay no […]

Arquivo Publicado em 26/09/2011, às 16h55

None

O Governo do Estado está investindo cerca de R$ 7 milhões de reais para a realização do recapeamento da principal avenida de Campo Grande, Afonso Pena. A previsão é que a obra seja totalmente concluída em seis meses.


Após a liberação do trecho que vai da rua Iguaçu até a rua Visconde de Taunay no sentido centro-bairro, agora começa uma nova interdição para a continuação das obras de recapeamento. O trecho interditado vai da rua João Rosa Pires até a travessa Sesi (Serviço Social da Indústria)  no sentido centro-bairro.


A previsão é que permança interditada por três dias. A Agência Municipal de Transporte e Trânsito (Agetran) informa que há duas opções de desvio, a primeira é pela rua Camapuã – vai pela rua Camapuã e retorna para a avenida Afonso Pena – a outra opção é pela rua João Rosa Pires que dá acesso até a avenida Duque de Caxias.

Jornal Midiamax