Geral

Militares que voltaram do Haiti reencontrarão as famílias amanhã

A tropa de 85 militares, que desembarcou no dia 21 de fevereiro, em Campo Grande, será liberada neste sábado (26), após cinco dias de quarentena para procedimentos previstos na Diretriz Médico-Sanitária para a Mobilização e Desmobilização dos Efetivos Militares da Missão de Estabilização das Nações Unidas para o Haiti (MINUSTAH). Após seis meses longe de […]

Arquivo Publicado em 25/02/2011, às 13h24

None

A tropa de 85 militares, que desembarcou no dia 21 de fevereiro, em Campo Grande, será liberada neste sábado (26), após cinco dias de quarentena para procedimentos previstos na Diretriz Médico-Sanitária para a Mobilização e Desmobilização dos Efetivos Militares da Missão de Estabilização das Nações Unidas para o Haiti (MINUSTAH).

Após seis meses longe de casa, eles poderão reencontrar a família; um momento bastante esperado, já que os integrantes do BRABATT 2 tiveram que permanecer isolados no 18º Batalhão Logístico (18º B Log) para cumprir as normas da Diretoria de Saúde do Exército, de modo a garantir a saúde e o bem-estar da população e dos militares que retornaram dessa importante missão.

A tropa do BRABATT 2 seguiu para o Haiti a partir do dia 15 de agosto de 2010, e desde então desempenhou missões de vigilância e patrulhamento de vários pontos da capital haitiana, Porto Príncipe, além de efetuar a segurança de autoridades e de instalações.

O encerramento do período de quarentena do 2º escalão (85 militares) será marcado com uma formatura no 18º B Log, no dia 26 de fevereiro, às 14 horas, onde os militares retornarão às suas Organizações Militares de origem, bem como ao convívio de suas respectivas famílias.

Jornal Midiamax