Prefeito de Chapadão do Sul tem direitos políticos suspensos

Foram suspensos os direitos políticos do prefeito Jocelito Krug (PMDB), vice-prefeito José Alírio, secretários e assessores da prefeitura
| 06/04/2010
- 23:32
Prefeito de Chapadão do Sul tem direitos políticos suspensos

Foram suspensos os direitos políticos do prefeito Jocelito Krug (PMDB), vice-prefeito José Alírio, secretários e assessores da prefeitura

O prefeito da cidade de Chapadão do Sul, Jocelito Krug (PMDB), o vice-prefeito José Alirio Bacca e alguns secretários e assessores tiveram os direitos políticos suspensos em decisão da juíza Luciane Buriasco de Oliveira, que acatou, parcialmente, a denúncia de improbidade administrativa apresentada pelo Ministério Público Estadual, por meio da Promotoria de Justiça de Chapadão do Sul.

De acordo com informações do MPE, a sentença foi assinada na última quarta-feira (31) e o promotor de justiça Marcus Vinicius Tieppo Rodrigues, do MPE propôs uma ação civil pública por ato de Improbidade Administrativa com ressarcimento de danos, afastamento do cargo e outras sanções correspondentes previstas no artigo 12, incisos II e III da Lei 8.429/92.

Foi pedido liminar, em desfavor de Jocelito Krug, Prefeito Municipal, e José Alírio Bacca, Vice-Prefeito; dos Secretários Municipais, Guerino Perius, Itamar Mariani, Ivanor Zorzo, Levi da Silva, Nilzete Pereira Ribeiro e Elisete Emiko Obara; dos ex-Secretários Municipais, Maria das Dores Zoccal Krug, Juarez Ferraz Ramos, Wilton Paulino Júnior e Laurentina Lurdes Bacca Agnes; da Presidência da Câmara Municipal de 2005 e dos Vereadores, Ari Miguel Pettenan, Élio Balem, Eduardo Belotti, Suraya Helena da Veiga Said, Clarice Gonçalves Fabiane, João Valmir Tontini, Idalino Alves, Homero Locatelli e Honório Rodolpho Hattge.

Procurado pela equipe do Midiamax a assessoria do prefeito ficou surpresa e declarou desconhecer a informação que foi confirmada pelo Ministério Público Estadual. Segundo a assessoria do prefeito, a condenação ainda cabe recurso e a gestão atual enfrenta o processo devido a um aumento salarial concedido na gestão anterior.

(Matéria editada para acréscimo de informações)

Veja também

Fenômeno foi constatado na galáxia Grande Nuvem de Magalhães

Últimas notícias