Paciente morreu na Emergência e recebeu atendimento, diz Santa Casa

O paciente Domingos Ramos, 28 anos, que faleceu por volta das 18h na Santa Casa, estava no setor de Emergência, e não no corredor do Pronto Socorro, como informaram familiares ao site Hora da Notícia, assegura a assessoria do hospital. A mesma assessoria nega que Domingos tenha ficado mais de 12 horas sem receber atendimento […]
| 01/03/2010
- 20:31
Paciente morreu na Emergência e recebeu atendimento, diz Santa Casa

O paciente Domingos Ramos, 28 anos, que faleceu por volta das 18h na Santa Casa, estava no setor de Emergência, e não no corredor do Pronto Socorro, como informaram familiares ao site Hora da Notícia, assegura a assessoria do hospital. A mesma assessoria nega que Domingos tenha ficado mais de 12 horas sem receber atendimento médico. Mas não soube precisar qual o profissional que assistiu ao paciente.

Domingos veio transferido de Costa Rica, na região Norte, com sintoma de AVC (Acidente Vascular Cerebral). Deu entrada no Pronto Socorro por volta das 05h30, segundo disse seu irmão Eduildo Ramos, e teria ficado no corredor do Pronto Socorro.

Segundo Eduildo, os funcionários diziam que um médico viria logo para fazer o atendimento, e assim se passou o dia todo. Às 18h chegou a notícia da morte. “Uma enfermeira veio até a porta e disse que meu irmão tinha falecido, virou as costas e foi embora”, disse Eduildo. Ele acredita que se o irmão tivesse recebido atendimento não teria morrido.

A assessoria da Santa Casa alega que só a família tem acesso ao prontuário médico. Qualquer familiar que quiser consultar o documento, no qual estão registrados todos os procedimentos adotados, basta pedir no atendimento do hospital.

Últimas notícias