A Uefa garantiu, nesta terça-feira, que as partidas programadas nesta semana pelas quartas de final da Liga dos Campeões serão mantidas apesar das ameaças terroristas que chegaram ao conhecimento da entidade.

Vários posts foram emitidos por um meio de comunicação, que seria ligado ao Estado Islâmico, pedindo a ação de ataques nos estádios que vão receber os jogos desta fase eliminatória. Os confrontos acontecerão nas cidades de Paris, Madri e Londres nesta terça e quarta-feira.

“A Uefa está ciente das ameaças terroristas feitas aos jogos desta semana da Liga dos Campeões e está em estreita ligação com as autoridades nos respectivos locais”, afirmou a entidade por meio de um comunicado.

A mensagem reforça que todos os cuidados estão sendo tomados no sentido de preservar o espetáculo. “Todas as partidas estão planejadas para acontecer conforme programado, com medidas de segurança apropriadas em vigor.”

Pela tabela, Madri terá duas partidas. O recebe o na terça-feira e o Atlético de Madrid vai contar com o apoio de sua torcida para enfrentar o Borussia Dortmund, na quarta.

Já o Arsenal enfrenta o Bayern de Munique em Londres, na terça-feira, e o Paris Saint-Germain vai ter a do Barcelona no dia seguinte. Os ministros francês e espanhol disseram que haverá medidas de segurança reforçadas nos estádios

O Estado Islâmico assumiu a responsabilidade pelo ataque à sala de concertos Crocus Hall, nos arredores de Moscou, em 22 de março, no qual 144 pessoas foram mortas. Os jogos de volta da Liga dos Campeões estão marcados para a próxima semana.