O está de volta à elite do futebol nacional após cinco anos de ausência. O acesso foi conquistado neste domingo com a vitória por 2 a 1 sobre o Novorizontino, no estádio Jorge Ismael de Biasi, na cidade de Novo Horizonte (SP), pela 37ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O time baiano ficou muito próximo também do título.

Com o resultado, o Vitória se isolou ainda mais na liderança da Série B e alcançou os 69 pontos, abrindo oito do Atlético-GO, em segundo. Criciúma e Juventude, ambos com 60, completam o G-4. O Novorizontino, por outro lado, viu o acesso ficar ainda mais distantes. A equipe paulista é a sétima, com 57.

O Novorizontino entrou em campo como se estivesse em uma decisão, enquanto o Vitória começou a partida mais desatento. Com isso, o time paulista saiu em busca do gol e por muito pouco não abriu o placar aos 13 minutos. César Martins recebeu dentro da área e cabeceou rente à trave do goleiro Lucas Arcanjo.

O Vitória tentou investir no contra-ataque, mas viu o Novorizontino abrir o placar aos 19. Geovane arriscou do meio da rua e exigiu grande defesa de Lucas Arcanjo. A sobra caiu nos pés de Rômulo, que empurrou para o fundo das redes.

Na frente do placar, o Novorizontino passou a administrar a vantagem e o sistema com três defensores deu segurança para os homens de frente, que continuaram ameaçando o Vitória. O time baiano, então, avançou as linhas e resolveu pressionar o rival. Aos 49, após bela troca de passes, a bola chegou em Léo Gamalho, que dominou com categoria e mandou para o gol.

No segundo tempo, o Vitória se acomodou no resultado e se fechou O Novorizontino, por outro lado, foi para cima, mas sem arriscar muito. Aos 13 minutos, o time paulista quase marcou, com Douglas Baggio. Ele recebeu na entrada da área e chutou. A bola tirou tinta da trave.

Os times acabaram se acomodando com o resultado. Mesmo assim, o Vitória cresceu no fim e quase marcou. Welder avançou pela esquerda e cruzou. Após bate e rebate, a bola bateu no travessão

Quando tudo indicava que o duelo terminaria empatado, Zé Hugo foi derrubado pelo goleiro Georgemy, pênalti. Aos 53, Welder foi para a cobrança e decretou o acesso do Vitória à elite do brasileiro.

O Novorizontino volta a campo na sexta-feira, às 21h30, diante do Londrina, no estádio do Café, em Londrina (PR). No sábado, às 17h, o Vitória recebe o Sport, no Barradão, em (BA).

FICHA TÉCNICA:

NOVORIZONTINO 1 X 2 VITÓRIA

NOVORIZONTINO – Georgemy; Adriano Martins, César Martins e Ligger (Bryan Borges); Willean Lepo (João Afonso), Geovane, Marlon, Rômulo (Felipe Marques) e Roberto (Reversion); Douglas Baggio e Ronaldo (Rodolfo). Técnico: Eduardo Baptista.

VITÓRIA – Lucas Arcanjo; Zeca, Camutanga, Wagner e Matheuzinho; Matheus Trindade, Dudu e Giovanni Augusto (Mateus Gonçalves); Iury Carvalho (Welder), Léo Gamalho (João Victor) e Osvaldo (José Hugo). Técnico: Léo Condé.

GOLS – Rômulo, aos 19, e Léo Gamalho, aos 49 minutos do primeiro tempo. Welder, aos 53 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS – Geovane, Ligger e Roberto (Novorizontino).

ÁRBITRO – Alisson Sidnei Furtado (TO).

RENDA E PÚBLICO – Não disponíveis.

LOCAL – Estádio Jorge Ismael de Biasi, em Novo Horizonte (SP).

Saiba Mais