Na partida desta sexta-feira, as argentinas iniciaram melhor, abrindo 3 a 0. As brasileiras levaram quase sete minutos para balançarem as redes pela primeira vez, mas logo tomaram o controle das ações, comandadas por Patrícia Matieli (artilheira do jogo, com nove gols) e pelas defesas da goleira Babi Arenhart, eleita a melhor em quadra e principal responsável pela eficiência das rivais nos chutes não ter superado 40%.

O Brasil foi para o intervalo vencendo por 13 a 10 e quase cedeu o empate no começo do segundo tempo, mas conseguiu manter a dianteira, apesar dos esforços da para diminuir o prejuízo. Além de Patrícia e Babi, também se destacaram Jéssica Quintino (cinco gols), Bruna de Paula (quatro), Larissa Araújo, Giulia Guarieiro (dois cada), Adriana Doce e Tamires Araújo (um cada).