Esportes

Felipão pede demissão e encerra 3ª passagem pelo Grêmio

Felipão encerra assim, após pouco menos de um ano no comando, sua terceira passagem pela equipe

Clayton Neves Publicado em 19/05/2015, às 18h22

None
felipaogustavogranataagif-gazeta.jpg

Felipão encerra assim, após pouco menos de um ano no comando, sua terceira passagem pela equipe

O presidente do Grêmio , Romildo Bozan Júnior, confirmou nesta terça-feira (19) que Luiz Felipe Scolari não é mais o treinador do clube. O mandatário anunciou no CT Luiz Carvalho a saída do técnico, que pediu demissão e tem proposta do futebol dos Estados Unidos. Felipão encerra assim, após pouco menos de um ano no comando, sua terceira passagem pela equipe – também dirigiu o clube em 1987 e entre 1992 e 1996, vencendo Brasileiro, Copa do Brasil eLibertadores .

A direção tricolor já trabalhava com a ideia de dispensar Felipão, que estava pressionado pela perda do Campeonato Gaúcho e pelos maus resultados no início do Campeonato Brasileiro . A equipe gaúcha empatou em casa com a Ponte Preta e perdeu do Coritiba . Outro fator que contribuiu para a queda do treinador foram as constantes reclamações em relação ao elenco.

O treino gremista desta terça-feira pela manhã foi fechado para a imprensa, mas contou com a participação de Romildo. O presidente conversou com os jogadores sobre a troca no comando técnico. Já o departamento de futebol, encabeçado pelo diretor executivo Rui Costa e o diretor de futebol César Pacheco, que também sofriam pressão, foi mantido.

Toda a comissão técnica de Felipão também deixa o Grêmio com ele. O favorito para assumir o cargo de treinador é Cristóvão Borges, cujo último trabalho aconteceu à frente do Fluminense .

Jornal Midiamax