Ainda não há dia definido, no entanto, o Governo de confirmou para dezembro o pagamento do décimo terceiro salário de mais de 83 mil servidores estaduais. Desta maneira, o repasse será feito aos trabalhadores em apenas uma parcela, assim como aconteceu em anos anteriores. 

De acordo com a assessoria de comunicação do Governo, no mesmo mês ainda serão pagos o salário de novembro e antecipação do salário de dezembro, que seria pago apenas em janeiro. O adiantamento faz parte do planejamento do governador Reinaldo Azambuja, que prometeu deixar pagas as contas com servidores e fornecedores para o próximo governador, que assume em janeiro.

No pagamento de dezembro, o décimo terceiro será de 50% do valor líquido. Em julho, o Estado já havia depositado a outra metade na conta de servidores ativos, inativos e pensionistas. 

Na época, a justificativa foi de que a antecipação injetaria dinheiro no Estado e serviria para aquecer a economia e incentivar o comércio na retomada no pós-pandemia.