Aguardado por moradores da região desde 2017, quando foi anunciado pela primeira vez, o início das obras de um shopping center da região das Moreninhas, em Campo Grande, ainda não saiu do papel. A obra já está autorizada pela Semadur (Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Gestão Urbana), mas no terreno que deverá abrigar o empreendimento ainda não há sinal de um canteiro de obra.

Em maio de 2023, o Midiamax produziu matéria em que empresa responsável pelo empreendimento, ICH Desenvolvedora de Shoppings (CNPJ 34.986.032/0001-20), previa iniciar as obras ainda no segundo semestre daquele ano, com estimativa de inauguração em 2025.

Na ocasião, os responsáveis pelo shopping disseram que o projeto estava em andamento e que ‘faltava pouco para a papelada ser liberada’. Meses seguintes, no segundo semestre, a Semadur aprovou o projeto e obras poderiam começar, mas no terreno que abrigará prédio tem apenas outdoor com esclarecimento de que lá em breve será a instalação do shopping.

Nas redes sociais, os moradores da região questionam, ansiosos, sobre o projeto. “Final de 2023 e ainda nada”, comentou internauta. “Tem ano já que encontra-se com a placa do novo shopping e as obras paradas e crescendo mato novamente”, diz outro morador.

A reportagem entrou em contato com o escritório do futuro shopping em Campo Grande, mas ligações não foram atendidas e nem mensagens respondidas. No endereço onde escritório fica localizado, também não fomos atendidos. A construtora, com sede em São Paulo, também foi contata e reportagem aguarda retorno.

A Prefeitura Municipal informou que, até o momento, os documentos requeridos na Semadur foram emitidos, como o Alvará de Construção e a Licença Prévia emitida pelo Licenciamento Ambiental, podendo assim, as obras iniciarem. A obra teria sido autorizada no início do segundo semestre de 2023 e deverá vencer no mesmo período em 2024.

Shopping Cidade Morena

Aguardado por moradores da região desde 2017, o empreendimento que será erguido fica localizado na Vila Cidade Morena – ponto estratégico da cidade que dá acesso a diversos bairros. Ficará bem na Avenida Gury Marques com a Avenida dos Cafezais.

Assim, o nome Shopping Cidade Morena faz alusão ao verdadeiro bairro, apesar da “fama antiga” de que seria nas Moreninhas. Segundo a organização, dentre as lojas já confirmadas estão bares, restaurantes, lojas de departamento nacionais. Um cinema também está previsto para ser instalado no espaço. No total, 150 lojas devem despontar o empreendimento comercial.

Estrutura

Segundo informações passadas no início de 2023 ao Jornal Midiamax pelo então superintendente do projeto, Carmello Moidim – que não está mais ativo no projeto neste momento – as negociações para fechar as parcerias com as lojas começaram em outubro de 2022 e seguem acontecendo junto à gestão comercial. O Fort Atacadista, por exemplo, está condicionado a ser uma das lojas âncoras.

Conforme o projeto, as salas de cinema ficarão em piso superior, junto a outros 4 restaurantes e, possivelmente, o boliche. O detalhe informado à reportagem é que o projeto trará um deck e um rooftop (que significa ‘no terraço’) que abrigará um bar/choperia, além dos restaurantes de acessos externos, que poderão ficar abertos após às 22h.

As demais lojas – que serão 4 âncoras, 10 megalojas, 20 fast-foods e 111 lojas satélites – ficarão no piso térreo. E uma das grandes novidades do shopping será a disponibilidade de uma clínica médica com diversas especialidades aos moradores.

A praça de alimentação está prevista para ter 1,5 mil lugares, estacionamento com 860 vagas, play-center e praça de eventos.

Confira algumas imagens do projeto:

  • Foto capa: Nathalia Alcântara/Midiamax
  • Imagens: Reprodução