No início da tarde desta segunda-feira (4), um vendaval seguido de atingiu Caarapó – distante 273 km de Campo Grande. As rajadas de vento chegaram a 70 km/h, derrubando galhos de árvores e assustando moradores.

De acordo com o Portal da cidade de Caarapó, o vendaval assustou os moradores do município, principalmente na área rural. Vídeo gravado em uma usina sucroenergética, mostra a intensidade dos ventos, levando muita terra e arrastando itens soltos.

Ainda conforme o site local, na região central diversos galhos de árvores caíram. Um deles caiu em cima de um carro, que teve a parte de cima danificada. O veículo estava estacionado na rua 15 de novembro, em frente a praça central.

Estragos em Naviraí

De acordo com o site Portal do Conesul, o vendaval derrubou várias árvores em – distante 364 km de Campo Grande. Uma árvore de grande porte caiu e interditou a Avenida Weimar Gonçalves Torres, no centro da cidade.

Na mesma avenida outra árvore caiu. De acordo com a prefeitura, servidores estão retirando uma árvore que caiu na Avenida Dourados. E está removendo duas árvores que caíram na Avenida Weimar Torres.

Vendaval em MS

Levantamento do Cemtec/MS mostra que até às 14h30 desta segunda-feira (04) a rajada de vento chegou a 82,8 km/h em Dourados, em a velocidade do vento foi de 77,4 km/h e em Sete Quedas de 75,6 km/h.

Em Laguna Carapã, Caarapó, Ivinhema e Ponta Porã as rajadas de vento passaram dos 70 km/h. Em Bonito, Iguatemi, Angélica, e Fátima do Sul há registro de rajadas de vento na casa dos 60 km/h.

A previsão do Cemtec/MS é áreas de instabilidade associada a chuvas intensas com raios, rajadas de vento e eventual queda de granizo devido ao avanço de um cavado, aliado ao intenso fluxo de calor e umidade. Essas instabilidades atuam na região sul, com avanço para as regiões central e leste do estado.