Depois de perder o controle da direção de um Chevrolet Corsa, motorista de 37 anos avançou na direção da calçada e invadiu obra na área central de Campo Grande. No carro, também estava a filha da mulher, uma criança de 7 anos que tem microcefalia. 

Segundo informações de testemunhas, a vítima trafegava na Rua Espírito Santo e tentou virar na Rua 15 de Novembro. No entanto, o carro ficou desgovernado e avançou em direção à construção. Com o impacto, tapumes que faziam o isolamento da obra foram destruídos. Profissionais trabalhavam no local, mas, ninguém foi atingido. 

Encarregado da obra e marido da motorista. (Graziela Rezende/Jornal Midiamax)

“Nós chegamos e mãe e filha já tinham sido ajudadas por funcionários de uma clínica veterinária, que fica ao lado. Elas estavam deitadas ao chão, então, fizemos o atendimento e encaminhamos para Santa Casa. Ambas estavam conscientes e orientadas, apesar da mãe um pouco nervosa e assustada”, explica ao Jornal Midiamax o cabo do Corpo de Bombeiros, Gil Fonseca.

Encarregado da obra esteve no local e disse que, além dos tapumes quebrados, o carro passou por cima de uma caixa de ferramentas. Ele conversou com o marido da motorista, que posteriormente foi ao local. Além disto, aguardava a chegada da Polícia de Trânsito, para que o carro fosse removido e a equipe pudesse voltar ao trabalho.

Para a reportagem, o açougueiro Everton Rodrigues, de 35 anos, contou que a mulher voltava da fisioterapia com a criança. Ele suspeita que a vítima tenha passado mal ao volante, já que é acostumada a dirigir e nunca houve problemas.

Veja o vídeo: