O vice-governador José Carlos Barbosa (Barbosinha), no exercício do Governo de Mato Grosso do Sul por conta da viagem do governador aos , esteve em nessa sexta-feira (1). Ele visitou bairros atingidos pelo temporal que destelhou 22 casas na cidade e derrubou árvores.

 “O Estado se manifestou prontamente em apoio ao Município, as famílias atingidas pelos efeitos do vendaval não podem esperar, mas o Governo precisa de um pedido oficial, acompanhado do Decreto de Emergência com o levantamento detalhado da real situação ocorrida na cidade”, afirmou Barbosinha, durante visita na região do Residencial Greenville e Ildefonso Pedroso.

De acordo com o governador em exercício, é preciso que os municípios se organizem para enfrentar dificuldades inesperadas. “Fatos dessa natureza exigem que estejamos preparados para não sermos surpreendidos, é preciso resposta rápidas em casos de catástrofes”.

Barbosinha informou ao coordenador da Defesa Civil de Dourados, Rodrigo Vitorino da Cruz, que o Estado vai fornecer as telhas e complementos necessários para repor a cobertura das residências afetadas, tão logo o Município cumpra os protocolos necessários à homologação do decreto declarando situação especial por conta do fenômeno do meio da semana.

Ainda assim, segundo o vice-governador, o governador Eduardo Riedel já foi informado nos Estados Unidos desse problema e orientou para que toda a ajuda seja disponibilizada no atendimento ao maior município do interior.

“Estamos presentes aqui, ajudando a limpar a cidade, com homens, máquinas e caminhões da Agesul, a participação direta do engenheiro Jorge De Lúcia, chefe da Residência Regional, o nosso pessoal da Defesa Civil, do Corpo de Bombeiros, Polícia Militar á disposição do prefeito Alan Guedes para atender Dourados mais uma vez”, observou Barbosinha.

O Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) emitiu alerta de tempestade para este de semana em Dourados. O aviso segue até às 23h59 deste sábado, com ventos que podem chegar até a 60km/h, conforme o alerta válido para toda a região sul do Estado.